Psicologia da Cores

September 29, 2018

 Semana passada expliquei aqui no blog de forma bem resumida o Círculo Cromático e como utilizar suas propriedades na decoração. Hoje vou falar sobre a Psicologia das Cores, que nada mais é um estudo de como as cores podem influenciar no humor e causar sensações as pessoas.

 

 Ao pensar nas cores de um ambiente é preciso entender o seu uso como um importante elemento na concepção espacial do ambiente, pois a cor é capaz de alterar visualmente as dimensões e formas do espaço, ressaltando ou disfarçando imperfeições. Outros fatores como iluminação também devem ser levados em conta, uma vez que com o passar do dia e a variação de luz, as cores podem ser sentidas de maneira diferente, bem como a combinação de cores usada no mesmo ambiente. Vamos entender um pouco mais.

Azul

 

 Os tons de azul são associados ao céu, o mar e a espiritualidade. Simboliza confiança, responsabilidade, sabedoria e fé. Tem efeito calmante, que permite o relaxamento e alívio de tensões, além de inibir o apetite, mas suas nuances devem ser cuidadosamente estudadas e dosadas, pois em excesso podem causar introversão e denotar tentativa de super controle dos sentimentos e excitação.

 

Amarelo

 

 O amarelo e suas tonalidades estão associadas à luz, ao sol, à alegria e dinamismo. Simboliza a diversão, criatividade, energia, riqueza e prosperidade. Quando aplicado apropriadamente, pode indicar aspirações e ambições bem desenvolvidas, pode ser usado em ambientes de estudos pois ajudam no raciocínio e criatividade. Entretanto, quando usado em excesso pode ter efeitos catastróficos, o efeito fica perturbador e pode provocar doenças como estresse e ansiedade.

 

Laranja

 

 Os tons de laranja estão em um grupo intermediário entre o amarelo e vermelho. Simboliza o verão, calor, alegria, vitalidade e juventude. Em geral podem aumentar a confiança e transmitir otimismo, além de aumentar o apetite e estimular o sistema respiratório devido ao seu brilho.

 

Vermelho

 

 Os tons de vermelho remetem a paixão, amor, sexualidade, nobreza e perigo, é a cor mais quente e emocionalmente intensa. Simboliza o calor, o fogo e agressividade. Estimula a frequência cardíaca e aumenta a respiração e, assim como o laranja pode estimular o aumento de apetite, quando usado em excesso o efeito também pode ser perturbador e pode estimular a agressividade.

 Verde

 

 As tonalidades do verde remetem a natureza, ao sentido de esperança, de vida e de sorte. Simboliza a fertilidade, tranquilidade e a saúde. Funciona como hipnótico e sedativo, pois ajuda na insônia e excitação nervosa, reduzindo a fadiga e ajudando na pressão arterial, mas além disso tudo, é uma das cores que se deve tomar mais cuidado ao se usar. Seu uso em excesso pode transmitir tentativa de super controle das emoções e causar aversão, pois pode influenciar na percepção da cor na pele de quem está no ambiente e passar a sensação de fobia, dificultando a proximidade das pessoas.

 Roxo

 

 Os tons de roxo remetem a nobreza, aos artistas, ao misticismo, exotérico e elegância. Simboliza a intuição, o mistério, a luxúria e melancolia. Suas tonalidades podem reduzir a ansiedade e o medo, além de ajudar na criatividade. Quando em tons mais claros, como o lavanda, pode transmitir calma e serenidade.

 Rosa

 

 O rosa e seus tons estão associados as flores, a mulher e a delicadeza. Simboliza feminilidade, vaidade, inocência e a afetividade. Ajuda a relaxar, descontrair e tem um efeito positivo e de motivação as pessoas, quando usada em tonalidade mais clara deixa o ambiente bastante acolhedor.

 Branco

 

  O branco é associado a inocência, ao bem e aos espíritos. Simboliza a pureza, luz, paz e a higiene. Ambientes com a cor branca transmitem segurança, assepsia, calma e simplicidade, além de dar a sensação de ampliar o espaço. Mas cuidado ao usar essa cor, em excesso o ambiente pode ficar frio, impessoal e ofuscar, causando desconforto.

 

Preto

 

 A cor preta remete ao poder, sofisticação, modernidade e masculinidade. Simboliza a elegância, a responsabilidade e imponência. Quando usada de forma correta, a cor preta deixa o ambiente sofisticado, cria a sensação de perspectiva e profundidade e quando combinado a outras cores transmite personalidade e deixa o ambiente alegre. Não é recomendado usar somente o preto sem outras cores na composição, pois pode passar a sensação de angústia, depressão e tristeza.

 

Marrom

 

 As tonalidades de marrom remetem a terra, a madeira, ao natural e o rústico. Simbolizam o seguro, a maturidade, a natureza e a sobriedade. Transmite conforto físico, encoraja ordem e organização e deixa o ambiente acolhedor principalmente quando a cor vem da madeira usada nos móveis. Ao usada em excesso pode passar a sensação de mesquinhez e sujeira, portanto é recomendada o uso com outras cores na composição do ambiente.

 

Cinza

 

 O cinza é associado ao neutro, o concreto, o tédio e o antiquado. Simboliza a sensatez, reserva, o modesto, a monotonia e maturidade. Quando o ambiente é composto apenas pela cor cinza, pode passar a sensação de tristeza e desânimo, indiferença e levar ao isolamento. Mas é uma cor que realça muito as demais, e quando utilizada em composição com outras cores pode deixar o ambiente requintado, acolhedor e até alegre.

 

  Ao montar a paleta de cores para o ambiente, portanto, deve-se pensar qual a proposta de sensações que este deve transpassar aos seus usuários, e claro, levando sempre em conta o gosto pessoal. As cores em tons mais claros vão sempre passar a sensação de amplitude, enquanto os tons mais escuros aproximam e diminuem o ambiente.

 

Please reload

Featured Posts

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Recent Posts

September 5, 2019

November 30, 2018

October 26, 2018